diario1.png
  • Roni Carlos Costa Dalpiaz

A CASA DA XUXA É DO ESTILO CALIFORNIANO!

Preservada e transformada em museu, a casa onde Xuxa morou durante sua infância na cidade de Santa Rosa, no interior gaúcho, é do estilo Californiano (ou Missões). O tal estilo, desprezado hoje em dia, já teve seus áureos tempos.


Sim este estilo de origem espanhola, foi muito popular nos anos 1930 se espalhou por todo o estado e pelo litoral gaúcho (mais ou menos nos anos 1950), com vários exemplares em nossa cidade. O nome “Missões” vem de sua denominação norte-americana: Missions Revival. Sua origem nos Estados Unidos remonta à década de 1890. Na mesma vertente neo-colonial também figura o “neo-colonial hispânico”, “hispano-americano” ou “espanhol”, na época conhecidos como “estilo mexicano” e “bungalows californianos”.

Aqui em Torres existiam vários exemplares, principalmente próximo ao mar e no centro histórico. A maioria já foi destruída, dando lugar a prédios de apartamentos ou outro tipo de casas. Um dos últimos exemplares que suportava o avanço das máquinas, foi destruído clandestinamente. Mesmo tendo parecer contrário do COMPHAC, sem autorização da prefeitura e passando por cima de notificação do promotor público, um caminhão parou, desceu dele uma retroescavadeira e em minutos estava tudo no chão. Tudo acompanhado por um público perplexo.

A punição para quem descumpriu e destruiu a casa, deverá ser uma multa e um ressarcimento pecuniário à Cultura local. Ou seja, perde-se um patrimônio da cidade e compensa-se com um valor em dinheiro. Como consolo, o dinheiro, sempre escasso para a defesa da cultura local, servirá para a manutenção da própria cultura. Pouco! Não há dinheiro que compense isso.

Dando uma olhada rápida para a cidade de poucos anos atrás, é possível ver alguns bangalôs que ainda existiam. Não eram muitos, mas ainda representavam a história dos antigos veraneios. Deste rápido levantamento, encontrei 12 bangalôs, quatro deles ainda permanecem de pé, sendo que dois foram descaracterizados. E ainda resta mais um, o semidestruído castelinho da praia da Cal.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo